Browsing Tag

quarto

Dicas de organização Dicas para casa

8 dicas para organizar o roupeiro

Oi gente! Toda vez que posto alguma foto do nosso closet surgem várias dúvidas sobre como é viver com um armário aberto. Eu acredito que o maior dilema (e benefício também) é justamente ele ser aberto, ou seja: você se obriga a mantê-lo arrumado! Por isto reuni algumas dicas bemmm “vida real” para ajudar você a organizar o roupeiro se ele tem portas ou não.

Continue Reading

Decoração Dicas para casa Faça você mesmo - DIY Minha casa

3 ideias de DIY para cada cômodo

vasinho de suculenta diy

vasinho de suculenta diy

Oi gente! Como uma boa apaixonada por decoração barata e ideias de faça você mesmo, eu sempre penso muito antes de comprar algo pronto. E também, levo em consideração se, em vez de gastar horrores com algum móvel ou reforma, há outra forma mais barata de decorar a casa. Eu reuni neste post 3 ideias de DIY para cada cômodo da casa, coisas fáceis que você pode fazer hoje mesmo.

Continue Reading

Dicas de organização Dicas para casa Minha casa

Meu closet: as desvantagens do armário aberto

Armário aberto
Oi gente! Vocês se lembram do nosso closet que colocamos no quarto, né?! Depois de uns 2 anos usando ele eu vim dar minha opinião novamente. Ter este tipo de armário tem várias vantagens, mas com o tempo, você vai conhecendo as desvantagens também. E como nem tudo são flores, é legal contar pra vocês também as desvantagens do armário aberto.

Continue Reading

Decoração Dicas de organização Dicas para casa Faça você mesmo - DIY

4 dicas baratas para organizar a penteadeira

Oi gente! Não tem decoração mais linda e feminina em um quarto do que uma penteadeira organizada e cheia de maquiagens! As embalagens geralmente são lindas, coloridas e estilosas, sem contar que se torna mais prático ter tudo à mão do que guardado na gaveta.

Por isto que hoje eu vim dar 4 dicas baratas para organizar a penteadeira. Pois você pode comprar organizadores prontos mas eles geralmente são mais caros e nem sempre temos este investimento. E melhor ainda quando pudemos usar nossa criatividade e fazer algo personalizado, com a nossa cara!

OBS: a foto de capa deste post é da minha penteadeira simples e improvisada ainda, tem mais fotos dela neste post.

 

4 dicas baratas para organizar a penteadeira

1. Pratinhos, potes e canecas

Usar objetos da cozinha fica muito fofo ainda mais quando são herança de sua vó. Você pode usar modelos diferentes, cores diferentes e deixar seu cantinho bem mimoso.

Dica: compre pratinhos e potes avulsos, com detalhes fofos. Use alguma caneca que você gosta ou então aqueles cestinhos coloridos de R$1,99. Não se preocupe em ter regras ou combinar, mistura cores, estampas e modelos, veja como eles ficam juntos.

2. Não tem espaço? Cole na parede

Esta ideia é bem inovadora e super diferente. Se você quer guardar suas maquiagens mas não possui muito espaço, que tal colocá-las com imã na parede? Basta comprar manta de imã, cortar em pedacinhos, colar atrás da embalagem e usar aqueles quadros de metal, sabe? Use a criatividade!
Ou então, pendurar bijus com ganchinhos em quadros ou cabides, também fica bem legal:

3. Construa seu próprio organizador

Se você é uma pessoa muito prendada, você pode se arriscar em um projetinho DIY para criar seu organizador. Olha só algumas boas ideias de como fazer:

4. Organize seus óculos

Os óculos também merecem lugar de destaque. Eu já falei aqui no blog como guardar e organizar os óculos e também como limpar óculos de grau. Você pode deixá-los expostos na penteadeira se tiver uma coleção, fica bem bonito ainda mais se você tem óculos de diferentes modelos.

E por falar em óculos clique aqui e dá uma olhadinha nos óculos de grau lindos que tem na loja da Ótica Mori.

Agora me conta, gostaram das ideias? Já colocaram alguma delas em prática aí na sua casa?

Bjo bjo

Imagens: via Pinterest
Dicas para casa

3 estilos de decoração para o quarto

estilo-decoracao-quarto
Oi gente! No post de hoje eu vim dar dicas de 3 estilos de decoração para o quarto, já que hoje em dia existem vários estilos de decoração para nossas casas.


Vai dizer, o que a gente mais quer é deixar nossa casa aconchegante e linda com o nosso gosto, né? E na hora de escolher móveis e objetos de decoração o nosso gosto faz toda diferença. Eu já falei aqui no blog sobre colocar seu estilo na decoração e também sobre a decoração ter algum significado.

Mas na hora de decorar um ambiente, além de seguir nosso gosto, nós podemos escolher também algum estilo de decoração que a gente goste como, por exemplo, retrô, industrial, escandinavo, rústico, etc…. E por causa disto eu trouxe 3 estilos de decoração para inspirar e decorar o quarto.

Mas calma, não precisa sair mudando tudo agora! Você pode continuar tendo a sua decoração e apenas adicionar alguns elementos nela, sabia? Eu sinceramente não curto um ambiente totalmente decorado com um único estilo, acho que fica muito cara de revista e a gente quer casa real, né?!

LEIA TAMBÉM: Quando a decoração só funciona em revista

 

3 ESTILOS DE DECORAÇÃO PARA O QUARTO

Existem vários estilos mas eu resolvi escolher 3 estilos bem distintos, olha só:

DECORAÇÃO ESCANDINAVA

A decoração escandinava está super na moda, onde o lema é o minimalismo, além de ausência de cores vibrantes. O que define a decor escandinava é a utilização de muito branco, preto, cinza, madeira e texturas tipo pelo, lã, crochê. Alguns elementos coloridos até sem inseridos mas em tons frios como rosa claro, azul bebê e cor cobre.

LEIA TAMBÉM: Slow Design: precisamos falar sobre isto

estilo-decoracao-quarto-escandinavo
estilo-decoracao-quarto-escandinavo
Alguns elementos essenciais na DECORAÇÃO ESCANDINAVA:
estilo-decoracao-quarto-escandinavo

DECORAÇÃO SHABBY CHIC

Shabby o quê? Chic! Já ouviu falar? O estilo Shabby Chic traduzindo literalmente significa “desgastado chique”, ou seja, um móvel que teve um desgaste de propósito ou também aquele famoso efeito pátina. Este estilo traz elementos românticos, delicados, móveis com ornamentos, estampas florais e delicadas, muito branco e tons pastéis.

Uma blogueira que define perfeitamente o estilo é a Ruby Fernandes do blog Meu Canto, Minha Prosa, pena que o blog dela acabou mas você pode ver um pouquinho da casa dela aqui.

 
estilo-decoracao-quarto-shabby-chic
estilo-decoracao-quarto-shabby-chic
Alguns elementos essenciais na DECORAÇÃO SHABBY CHIC:
estilo-decoracao-quarto-shabby-chic
 

DECORAÇÃO INDUSTRIAL

Ah, a decoração Industrial, que linda! Eu já falei aqui no blog sobre amar e odiar o estilo Industrial, mas cá entre nós? Tem uns móveis e objetos industriais que ficam lindos se você misturar com outros estilos. Lá em casa, por exemplo, a gente mandou fazer uma mesa no estilo Industrial mas isto não quer dizer que quero decorar toda a casa neste estilo.

Este estilo baseia-se em utilizar elementos pretos, ferros, madeiram tijolo à vista, concreto, cimento queimado, tudo que tiver um aspecto bruto. Até já falei aqui no blog sobre como decorar a casa com este estilo.

 
estilo-decoracao-quarto-industrial
estilo-decoracao-quarto-industrial
Alguns elementos essenciais na DECORAÇÃO INDUSTRIAL:
estilo-decoracao-quarto-industrial
 
 
Todos estes produtos você encontra na loja Meu Móvel de Madeira. E sabe de uma outra coisa legal? Tem uma seleção de produtos que fiz lá no site deles, dá uma espiada lá!
 
estilo-decoracao-quarto
Compartilhe este post no Pinterest!
Agora me fala, gostaram das dicas? Qual estilo você prefere?
 
 
Fonte imagens: Pinterest  |  Meu Móvel de Madeira
Dicas para casa

Qual a iluminação adequada para cada ambiente?

Oi gente! A decoração não está completa quando falta uma boa iluminação. Mas às vezes fica difícil escolher qual a iluminação para cada ambiente, principalmente para deixá-lo mais aconchegante.

Eu percebi isto aqui em casa pois não temos lustre na sala, apenas a lâmpada fluorescente e realmente fica muito cansativo este tipo de iluminação, principalmente à noite na hora de relaxar. Por causa disto resolvi vir dar dicas sobre a iluminação, já que cada ambiente possui uma necessidade diferente.
Eu já falei aqui no blog sobre iluminação sem gesso, afinal, acaba não sendo possível fazer iluminação embutida e dificulta na hora de colocar iluminação localizada, dá uma olhadinha lá.

LEIA TAMBÉM: DIY: Como fazer luminária de nuvem

Antes de mais nada é importante saber que a iluminação deve ser funcional e não apenas estética. Por exemplo, não adianta você investir em um lustre lindo de tecido na cozinha já que este ambiente exige uma luz mais direta e também lustre que seja fácil de limpar, por causa da gordura.

ILUMINAÇÃO PARA A SALA

A sala é um local para relaxar após o trabalho, assistir um filme, ficar com a família… O ideal é uma iluminação mais aconchegante e suave, para que os olhos descansem. Para a sala é indicado uma iluminação amarelada e indireta, uma dica legal é utilizar lâmpadas dicroica voltadas para a parede ou para destacar alguma decoração, utilizar abajur ou luminária de trilho já que você pode direcionar os spots para onde quiser.
Mas, se você alguns momentos quer uma iluminação mais ampla ou direta, você pode instalar algumas dicroicas e também um lustre central, afinal sabemos que manter a iluminação apenas na dicroica pode ser caro.

ILUMINAÇÃO PARA A COZINHA

Diferente da sala, a cozinha exige uma iluminação mais direta e forte, para que possa cozinhar os alimentos e enxergá-los também! O ideal é utilizar lâmpadas fluorescentes ou de LED de cor branca, para que a iluminação seja de melhor visibilidade.
Aqui em casa a lâmpada da cozinha é branca porém fica longe da pia, se torna escuro para cozinhar e uma dica que vou fazer aqui é instalar mais uma lâmpada próxima da pia, nem que seja um spot direcionado.

ILUMINAÇÃO PARA O BANHEIRO

O banheiro possui várias possibilidades. Você pode colocar uma iluminação branca e intensa, principalmente próxima do espelho para facilitar na hora de se maquiar ou se barbear. Mas é legal também brincar com a iluminação no espelho, deixando um clima mais aconchegante, principalmente se for no lavabo. Você pode optar por spots no espelho ou, caso seja possível, uma iluminação que seja instalada atrás do espelho para que ela não fique tão direta e fique mais difusa.
Lembre-se: o importante é não criar sombras, principalmente próximo ao espelho, além de não optar por iluminação quente para que a pessoa não transpire.

ILUMINAÇÃO PARA O QUARTO

O quarto segue a mesma dica da sala: luz indireta e aconchegante e o indicado são as de cor amarelada. Como o quarto não fica com a lâmpada ligada por muito tempo, é possível investir em dicroicas direcionadas para a parede e teto ou iluminação de trilho também é uma boa dica. Aqui no nosso quarto a ideia é fazer iluminação de trilho e direcionar os spots para o teto ou paredes com quadros, que tal?!
 
Caso você goste de ler no quarto, um abajur ou luminária com uma luz branca pode auxiliar neste momento.

ILUMINAÇÃO PARA O ESCRITÓRIO

No escritório é importante uma iluminação branca como da cozinha, porém é necessário cuidar para que ela não dê reflexo na tela do computador. Uma dica é utilizar iluminação clara e difusa, ou seja, que não forme sombra nem seja uma luz dura e direta.
Caso fique muito escuro, você pode optar por colocar também uma luminária de mesa ou posicionar a mesa próxima da janela.
Além de se preocupar com o estilo e cor da iluminação que irá usar, a cor das paredes também influencia na iluminação, caso as paredes sejam muitos escuras, isto exigirá uma iluminação mais intensa.
Na hora de escolher a lâmpada, cuide pois algumas emitem mais calor que outra e isto pode deixar o ambiente desconfortável principalmente no verão. A iluminação de LED é muito indicada pois oferecer luz amarela sem esquentar e tem maior vida útil se comparada com as outras.
E aí, gostou das dicas? Me conta aí nos comentários como é a iluminação da casa de vocês!
Bjo bjo
 
Fonte imagens: Pinterest
Decoração Dicas para casa Faça você mesmo - DIY Minha casa

DIY: como aplicar adesivo em toda parede

Oi gente! Aos poucos o nosso novo quarto tá saindo! Mas eu não dou conta de postar tudo que estamos fazendo, tem que ir com calma. rsrs E hoje eu vim mostrar como aplicar adesivo de parede.



Primeiro quer dizer que, se você não sabe das novidades do nosso quarto, é bom ver este post aqui. A primeira coisa que fizemos no quarto foi aplicar massa corrida nas paredes e também tem post aqui mostrando o passo a passo.
Bom, agora quero mostrar o adesivo de parede que ganhamos da Q Cola, eu achei ele super lindo, discreto e o melhor: tem efeito 3D! O nome dele é OZA e você encontra lá no site deles pra comprar, tá em promoção gente!
Eu já mostrei aqui no blog como instalar adesivo de parede, lembram do tijolinho no corredor? Então, ele também é da Q Cola, porém era uma parede bem menor e cheia de recortes porque não retirei aquele espelho para instalar.
No caso do adesivo no nosso quarto, aplicamos na parede toda, utilizamos 6 rolos e mais um pedacinho para finalizar em uma dos lados. Na verdade, o rolo é menor do que a altura da nossa parede, mas como iremos instalar rodapé e rodateto daí tem não problema faltar um pouquinho de adesivo.

PASSO A PASSO APLICAR ADESIVO DE PAREDE

A aplicação não tem mistérios, mas tem algumas dicas que podem te ajudar.

1. Antes tudo vamos ao básico: passe um paninho na parede para limá-la bem, remova qualquer objeto que estiver nela, incluindo os espelhos das tomadas 

2. Escolha um lado para começar. Como o ideal é aplicar de cima até embaixo, é praticamente impossível você conseguir descer o papel retinho, por isto o ideal é não aplicar rente à quina da parede, deixe uma margem sobrando.
3. Para não precisar ficar segurando o papel, posicionamos ele no local e prendemos as laterias com fita crepe. Assim, eu pude começar a colar o papel sem se preocupar se ele ficaria caindo e, aos poucos, fui retirando a fita crepe. No vídeo dá pra ver melhor.
4. Vá retirando o papel protetor do adesivo aos poucos pois o adesivo é bem forte. Vá retirando o papel protetor e colando o adesivo com a espátula que vem junto. Dê uma olhadinha contra a luz para ver se há bolhas ou imperfeições.

5. Cuidado com emendas: o ideal é sobrepor um rolo 5mm em cima do que já está aplicado, para não correr o risco de ficar frestas. Este rolo que escolhemos é um tom bem claro, quase branco e por causa disto as emendas ficam um pouco aparentes mas nada muito chamativo. Minha dica é: escolha um tom um pouco mais escuro.

6. A parte de encaixar a estampa exige paciência. Na foto acima dá pra ver que os desenhos não ficaram muito bem alinhados. Antes de definir onde você vai colar o rolo, veja se ele encaixa com o rolo que já está colado e para te auxiliar grude ele com fita crepe na parede para que as emendas não se ‘percam’. Minha dica é: escolha um adesivo com desenhos maiores e com estampas fáceis de encaixar. Várias emendas ficaram bem desencontradas mas ao olhar a parede pronta não dá para notar nada, fica perfeito.

7. Ao finalizar, recorte os excessos com um estilete bem afiado.

Lembre-se: na hora de comprar meça a área que será aplicada e compre sempre uns metros a mais porque terá emendas e você precisa pensar que os desenhos terão que se encaixar então é capaz de um rolo não ser aplicado exatamente na mesma altura que o outro, entende?!

 E olha como ficou!

OBSERVAÇÕES

– Na hora que terminamos de aplicar ele ficou com várias bolhas e deu um desespero! Mas, não sei como, no outro dia estava lisinho, sem bolhas.
– Nós deixamos um espaço entre o teto e também entre o chão porque iremos aplicar rodateto e rodapé.
– As fotos ficaram um pouco ruins porque a iluminação no dia não estava muito boa.
– Nos cantinhos acabou ficando umas frestas entra a parede do lado mas daí eu retoquei com tinta e ficou perfeito.
– O papel é um branco quase cinza, mas nas imagens parece lilás! rsrsrs
Agora vamos ao vídeo? Simmmmmm!
Obrigada Q Cola por mais esta parceria e por ajudar meu quarto ficar mais lindo ainda!

Me conta o que vocês acharam! Bjo bjo

Decoração Dicas para casa Faça você mesmo - DIY Minha casa

DIY: como aplicar massa corrida na parede

Oi pessoal! Eu estava super ansiosa pra vir escrever este post! Evoluímos os nossos conhecimentos de ‘mão na massa’ e resolvemos aplicar massa corrida na nossa parede! E hoje eu vim contar tudinho porque não é difícil, mas exige paciência.

Óbvio que tem vídeo bem explicadinho mostrando tudo, tá lá no final do post. Mas, além do vídeo, vou fazer as explicações em formato de texto também, caso alguém prefira.

Vou começar contando rapidamente o motivo disto tudo. Como falei lá no post sobre nosso futuro quarto, estamos mudando os quartos lá de casa. Mas, como queremos pintar e fazer algumas mudanças deixando o quarto mais bonito, achamos que seria melhor aplicar massa corrida antes porque as paredes lá de casa são muito ásperas e só uma pintura não iria resolver, olha só:

Então Will veio com a brilhante ideia: “por que a gente mesmo não faz?” Óbvio que eu não iria negar então resolvemos pesquisar na internet como fazer parede de massa corrida.

Dentre todas as ideias uma nos chamou mais a atenção: aplicar com rolo de lã e rodo de limpeza. Que ideia genial! Que prático! E principalmente: como ninguém pensou nisto antes?

MATERIAIS

. Massa corrida (compramos a Poliplast de 27kg por R$39,90 – a mais barata já que não sabíamos se daria certo rsrs)
. Rolo de lã
. Rodo de limpeza de borracha (o mais comum)
. Fita crepe
. Espátula
. Máscara
. Lixa de 100 e 220OBS: infelizmente nas imagens e nos vídeos não dá para perceber muito bem a diferença da parede com a massa.

COMO APLICAR MASSA CORRIDA NA PAREDE

1. Comece removendo espelho de tomadas, rodapé e moldura da porta
(resolvemos remover porque vamos trocar, se não quiser remover, não precisa mas dificulta um pouco o trabalho).
2. Lixe a parede com a lixa 100 ou 80, dependendo de como está a tinta ou imperfeições na parede. Lixe até retirar o brilho da tinta e deixar a parede fosca.

3. Coloque a massa em uma bacia e mexa bem até ela ficar mole e não tão pesada. Na internet há vídeos de pessoas diluindo a massa corrida, mas leia na embalagem se há necessidade. No caso da nossa, não precisa pois quando você mexe bem ela acaba ficando bem diluída.
4. Molhe o rolo na massa bem generosamente até ele ficar com muita massa!
5. Agora chegou a hora de aplicar! Aplique na parede bem devagar, de cima pra baixo, tentando não
deixar uma parte mais grossa que a outra, como se estivesse pintando a parede.
6. Aplique em algumas partes e, em seguida, vamos usar o rodo para alisar.
7. A parede fica texturizada por causa do rolo, então chegou a hora de alisar! Esta hora é a mais tensa porque você precisa passar o rodo com firmeza porém sem apertar muito para não remover a massa em excesso.
8. A dica é utilizar ele levemente inclinado e fazer o mesmo movimento até o fim pois, às vezes, quando está chegando no fim a gente tende a mudar a posição do rodo e acaba retirando mais a massa do que deveria.
9. Você pode passar o rodo de baixo pra cima ou de cima pra baixo. Eu aconselho de baixo pra cima para o excesso de massa não cair no chão e ficar inutilizado.
10. A cada passada, retire o excesso da massa do rodo e coloque de volta na bacia. Nada se perde viu! Todo excesso da massa retirada da parede deve ser jogada de volta na bacia.

11. Além de passar de baixo pra cima, passe da esquerda pra direita e vice versa para remover o máximo de marcas ou frisos que o rodo pode deixar. Na foto acima dá para ver o antes e depois de passar o rodo.

12. Repita o processo fazendo poucas partes da parede de cada vez. Após isto, deixe a massa secar. Veja o tempo na embalagem, geralmente são apenas algumas horas mas para não arriscar, nós deixamos de um dia para o outro para aplicar a próxima demão.
13. Se você pegar o jeito, pode aplicar apenas 2 demãos. Em uma das paredes aplicamos 3 demãos pois ainda estávamos aprendendo. rsrs
14. Agora vem a parte da paciência! Depois de ter certeza que secou bem, começa o momento de lixar. Use a lixa 220 e vá lixando com firmeza porém com delicadeza para não remover muito a massa. Veja bem onde tem furinhos aparentes e lixe mais neste local.

Após fazer a parede pintamos ela com a tinta BRANCO ANTIGO da Luxens, ele fica bem parecido com o Cinza Crômio da Sunivil, porém bem mais em conta.

Após pintar percebemos algumas imperfeições e furinhos que ficaram da massa corrida, no vídeo abaixo dá para ver bem.

Aplicamos 3 demãos da tinta pois nas duas primeiras ainda apareciam algumas imperfeições da massa corrida, talvez locais que não aplicamos direito ou que lixamos demais e acabou retirando o excesso de massa.

O resultado obviamente não ficou perfeito, mas quem reparar na parede da lateral (sem massa corrida) verá a diferença! Eu fiquei bem satisfeita de saber que fomos nós que fizemos.

Agora aos poucos vamos fazer em todo resto da casa. Ah, se a sua casa possui muita umidade nas paredes, é aconselhável trocar a massa corrida pela massa acrílica pois ela é mais resistente.

Agora vamos ao vídeo!

Me contem o que vocês acharam!!! Aguardo ansiosa pelas opiniões de vocês 🙂
Bjo bjo!